Um mundo onde tudo é possível
Home / DVDs e Blu-rays / Um mundo onde tudo é possível

Um mundo onde tudo é possível

Publicado em DVDs e Blu-rays por thaisa alves

Uma das coisas mais legais de se ter uma criança em casa é que você, adulto maduro e experiente, não vai mais precisar de desculpas para assistir aos desenhos animados ou filmes infantis. Se alguém te pegar no flagra rindo e se divertindo com uma esponja falante cujo melhor amigo é uma estrela do mar, transfira a responsabilidade para a criança: “Estou apenas fazendo companhia a ela”.

Brincadeiras à parte, desenhos animados fazem a alegria de pessoas de qualquer idade, dos meninos e meninas de calças curtas e joelhos ralados aos marmanjos de barba e mulheres feitas. Não é à toa que, se você for ao cinema em um domingo à tarde, vai se deparar com enormes filas formadas por diferentes tipos que querem ver gnomos falantes, ursos dançarinos, mamutes apaixonados, um ogro que casa com a princesa, monstros escondidos no armário e por aí vai.

A Casas Bahia fez uma lista de alguns filmes infantis que não podem faltar na sua videoteca (ou na do seu filho, se você ainda precisar de alguma desculpa).

Pixar

Um dos principais estúdios de animação da atualidade, a Pixar só produz filmes que já nasceram clássicos. Quem nunca se emocionou com a história do pai-peixe que desbrava os sete mares atrás de seu filho-peixe, em Procurando Nemo? Ou se encorajou a enfrentar a sociedade para realizar um sonho, como o ratinho Remy, em Ratatouille?

Monstros S.A.

Monstros S.A.

Para quem não dormia com a porta do armário aberta quando pequeno, esse Blu-Ray mostra que os monstros tem coração e são amigos. Quando Sulley e Mike, duas criaturas assustadoras, conhecem a pequena Boo, uma menininha meiga que derrete o coração até dos monstrengos, eles começam a repensar que provocar medo em crianças não é o trabalho mais legal do mundo.

UP! Altas Aventuras e Wall-E

UP - Altas Aventuras / Wall-e

Dois DVDs em um e uma tarde inteira de diversão e emoção garantida. Em UP! Altas Aventuras, o pequeno escoteiro Russell quer ajudar um idoso para ganhar uma medalha e quando ele bate na porta do Seu Fredericksen, os dois embarcam em uma aventura deliciosa até o Paraíso das Cachoeiras, na América do Sul. O meio de transporte? Uma casa voadora!

Já em Wall-E, um robozinho é o único habitante do Planeta Terra em 2805, devastado pelo lixo e pela poluição. No futuro, neste filme, os nossos tataranetos são obesos e moram em uma nave onde tudo é automático. Até que EVA, uma outra robô, é enviada à Terra para tentar encontrar algum resquício de vida humana. Junto com Wall-E, eles nos fazem pensar qual é o futuro que queremos para nós, nossos filhos e nosso Planeta.

Toy Story – Trilogia

Toy Story - Trilogia

O primeiro filme da Pixar foi Toy Story, lançado em 1995. Nele, os brinquedos de Andy ganham vida quando o menino não está olhando e o vaqueiro Woody, o preferido dentre todos os brinquedos, fica enciumado quando chega à casa um novo habitante para a coleção: um patrulheiro espacial de última geração chamado Buzz Lightyear.  Com o tempo, foram lançados outros dois filmes e, assim como na vida, Andy cresce, vai para a faculdade e precisa se livrar das tralhas. Mas como se sente um brinquedo quando ele já não serve mais para você?

Shrek: antiherói

Quadrilogia Shrek

Se você está cansado de heróis e mocinhos loiros, bem educados, que não arrotam na mesa, não vão ao banheiro, são pacientes e nunca fazem nada de errado, o Shrek é o desenho ideal para você. O que ele ensina às crianças? Que nem todo mundo é perfeito, mas que tendo um bom coração você faz amigos fiéis por toda a vida, conquista um reino inteiro e pode ficar com a princesa da história no final (mesmo que ela vire uma tremenda ogra).

Esse Box vem com a quadrilogia de Shrek que conta toda a trajetória desse simpático (nem tanto assim) ogro verde e suas aventuras no reino de Tão Tão Distante, ao lado de seus amigos Burro e Gato de Botas, e de sua amada Fiona. Atente-se para as dezenas de referências da literatura clássica e de outras películas infantis que o desenho menciona.

Os alternativos

Quem tem criança pequena em casa dificilmente consegue escapar de assistir 500 vezes ao mesmo filme. É um fenômeno explicado pela ciência, pelo universo e por psicólogos: crianças aprendem, pela repetição, a se concentrar no que estão assistindo. Lembra quando os Teletubbies falavam mil vezes “de novo!” e você não entendia para que raios servia aquilo? Pois então, milhares de pequeninos no mundo todo evoluíam com aquelas criaturinhas coloridas.

Como muita gente já passou dessa fase, tem quem não aguente mais assistir aos mesmos filmes sempre. Para fugir disso, existem alguns títulos alternativos, como o japonês A Viagem de Chihiro, o francês Arthur e os Minimoys, e os brasileiros da Turma da Mônica.

Casa Monstro

Casa Monstro

Quer introduzir o seu filho no gênero terror? Essa é uma boa animação produzida por ninguém menos que Robert Zemeckis (De Volta Para o Futuro) e Steven Spielberg (ET). A velha casa dos Nebbercracker parece ter algo de errado para o jovem DJ e, junto com seus amigos, ele resolve investigá-la. Entre nessa casa mal assombrada com eles e descubra qual é o segredo que pode devastar um bairro inteiro.

Coraline e o Mundo Secreto

Coraline

Baseado no livro de Neil Gaiman e dirigido por Henry Selick (de O Estranho Mundo de Jack), esse Blu-Ray 3D conta a história da curiosa Coraline, de 11 anos, que encontra em sua casa nova uma porta que a leva para uma realidade paralela. Nesse inexplorado mundo, as aparências enganam e a aventura acaba se tornando perigosa para a menina, que vai precisar contar com os vizinhos e um gato preto falante para salvar a sua família.

Os clássicos

De geração em geração, existem aqueles filmes e desenhos que não ficam velhos. Seja por conta do enredo, dos gráficos, da trilha sonora, ou da nossa vontade de voltar a ser criança, é sempre bom ter na prateleira um pouco daquilo que fez parte da nossa história e certamente fará parte da história de nossos filhos, netos, bisnetos e tataranetos (aqueles gordinhos que habitarão uma nave espacial em 2805 quando a Terra estará toda tomada de lixo).

O Rei Leão

O Rei Leão

Hakuna Matata! Quando o leãozinho Simba vê seu pai morrer para salvá-lo, ele se sente culpado e decide fugir de seu reino. Ao lado dos amigos Pumba e Timão, Simba vive uma nova vida sob o lema “Hakuna Matata”, que significa deixar os problemas no passado. Mas um dia as nossas raízes sempre nos chamam e, já crescido, Simba vai salvar seu reino, seus antigos amigos e sua mãe das garras do maléfico tio Scar e das terríveis hienas.

He-man

He-Man

Se você acha que tem a força, espere até se lembrar de He-man e seus sábios conselhos. Com sua espada e seus amigos, ele combate as forças do mal que pairam sob o reino de Etérnia e se livra das armadilhas feitas pelo seu arqui-inimigo Esqueleto, habitante do Castelo de Grayskull.

A História Sem Fim

A História sem Fim

Cansado de sofrer bullying dos meninos fortões da escola, Bastian se esconde no porão do colégio com um misterioso livro que o transporta para Fantasia, um mundo com caracóis, morcegos, elfos, um dragão voador e uma Imperatriz que está à beira da morte. Bastian vai precisar descobrir onde é que está a sua coragem para ajudar o guerreiro Atreyu a encontrar a cura para a doença da Imperatriz e vencer o Nada, uma força que está destruindo Fantasia.

Goonies

Os Goonies

O clássico dos clássicos! Qual foi a criança que nunca quis viver uma aventura com os amigos, lutar contra os irmãos Fratelli, seguir um mapa, descobrir passagens subterrâneas, encontrar um navio pirata e achar um tesouro, repleto de jóias e ouro? Tudo isso, com uma pitada de romance pré-adolescente e os efeitos especiais de Steven Spielberg, que arrancavam o fôlego de quem ia ao cinema em 1985, quando o filme foi lançado. Imperdível!

Milhares de outros filmes

Eleger 11 títulos para um artigo entre tantos sensacionais que já foram produzidos pelo cinema do mundo inteiro é uma tarefa pra lá de difícil. Nenhuma dessas películas infantis citadas anteriormente pode faltar em uma coleção de uma criança ou de um adulto de respeito, mas procure se lembrar de outras tantas que fizeram ou fazem parte da sua vida e da vida do seu filho.

O mais importante é se permitir fantasiar de vez em quando, se deixar transportar para um mundo onde você pode voar e nunca crescer, onde monstros são amigos ou você pode vencer criaturas muito ferozes. Um mundo onde a única coisa que importa é a diversão!

Comentários

Populares